Apple vale mais de US$ 1,5 trilhão

Mesmo em meio à pandemia de coronavírus, o desempenho da Apple na bolsa de valores continua a impressionar.

Ontem, a empresa se tornou a primeira de tecnologia a ultrapassar o valor de mercado de US$ 1,5 trilhão.

O valor unitário da ação da Apple chegou a cair para US$ 229 em março, mas rapidamente subiu e ontem fechou em US$ 352.

O otimismo dos investidores com a Apple está baseado principalmente nas boas perpectivas dos iPhones, principal produto da empresa.

Como comentamos por aqui, a Apple sofreu menos do que suas rivais com a pandemia, registrando leve queda nas vendas dos iPhones.

Além disso, o mercado espera que as vendas do próximo iPhone sejam fortes.

A razão é que este será o primeiro modelo com 5G, o que deve incentivar a troca de aparelhos na Europa e em países como Estados Unidos, China, Coreia do Sul e Japão.

Além dos iPhones, a Apple tem mostrado bons resultados na área de acessórios, com os fones AirPods e o Apple Watch.