Balões de internet do Google começam a funcionar no Quênia

Entrou em funcionamento esta semana no Quênia um projeto que usa balões para fornecer acesso à internet em áreas remotas.

A iniciativa é operada pela Loon – subsidiária da Alphabet, que controla o Google – em parceria com uma operadora de telecom queniana.

Nessa primeira fase, 35 balões oferecem acesso 4G a uma área de 80 mil quilômetros quadrados, equivalente ao território de países como Panamá e Áustria.

Balão Mágico

Os balões flutuam a 20 quilômetros do solo, o dobro da faixa usada por aviões, e têm largura de uma quadra de tênis.

Os equipamentos são abastecidos por baterias solares e ficam no ar cerca de 100 dias antes de retornar à superfície para manutenção.