Facebook aumenta o tom contra a Apple

Quem nos acompanha por aqui sabe que Facebook e Apple vêm se estranhando há meses, principalmente por questões relativas à privacidade e a regras da App Store.

Ontem, o Facebook elevou o tom das críticas em anúncio publicado em grandes jornais dos EUA.

“Vamos enfrentar a Apple ao lado das pequenas empresas”, diz o título do anúncio.

No texto, o Facebook argumenta que as novas (e mais rígidas) regras de privacidade do iOS vão dificultar a distribuição de anúncios personalizados, prejudicando as pequenas empresas que deles dependem para vender seus produtos.

O anúncio, no entanto, não menciona que um dos maiores prejudicados pelas novas regras será o próprio Facebook, que tem seu modelo de negócio completamente baseado em publicidade direcionada.

Chamado de App Tracking Transparency (ATT), o novo recurso do iOS exigirá que os apps obtenham a permissão explícita do usuário para acessar dados normalmente usados para direcionar publicidade.

A Apple pretende ativar o recurso com uma atualização do iOS em janeiro.

Batalha épica

Além do anúncio no jornal, o Facebook anunciou outra medida “anti-Apple” ao afirmar que vai apoiar a Epic Games na batalha jurídica contra a fabricante do iPhone.

A empresa vai fornecer documentos e outros materiais de apoio na ação em que a Epic acusa a Apple de práticas anticompetitivas na App Store.

Apple e Epic estão em conflito desde agosto. Naquele mês, a Epic publicou na App Store uma versão de seu game Fortnite com atalho para sua própria plataforma de pagamentos, contornando o sistema de pagamentos da Apple e a comissão de 30% que ela cobra nas vendas em sua loja.

O Fortnite foi então banido da App Store e a treta foi parar na Justiça, com julgamento marcado apenas para junho do ano que vem.