FBI apreende US$ 1 bi em bitcoins

Ontem comentamos por aqui o mistério sobre os US$ 1 bilhão em bitcoins transferidos do extinto site Silk Road, que vendia drogas na deep web.

Os fundos haviam sido movidos para uma nova conta, mas não se sabia de quem era. E hoje veio a resposta: a conta era do governo dos EUA.

O FBI transferiu para os cofres do governo a montanha de dinheiro que estava travada desde 2013, quando o fundador do Silk Road, Ross Ulbricht, foi preso.

Após sete anos de investigação, apenas neste ano agentes do governo conseguiram identificar 54 transações ‘ocultas’, realizadas na conta do Silk Road após a prisão de Ulbricht.

O FBI conseguiu então localizar a pessoa por trás das transações, identificada apenas como Indivíduo X.

A casa então caiu pro hacker, e ele assinou um acordo de colaboração no qual se comprometeu a transferir todo o dinheiro da conta para os cofres públicos, o que ocorreu anteontem.