Google recomenda home office para funcionários nos EUA

O Google emitiu ontem um comunicado recomendando home office para todos os seus funcionários nos EUA, caso suas funções permitam.

A medida é mais uma entre as empresas de tecnologia para tentar conter a epidemia de coronavírus.

A medida vale até pelo menos dia 10 do próximo mês.

O Google também informou que está montando um fundo para que todos os funcionários temporários possam ter direito à licença remunerada se mostrarem sintomas do vírus ou não puderem trabalhar se forem colocados em quarentena.