Itália multa Apple por propaganda enganosa

A Secretaria de Assuntos Econômicos da Itália multou a Apple em US$ 12 milhões por suposta propaganda enganosa do iPhone.

Segundo as autoridades, o problema está nas campanhas de marketing que falam sobre a resistência do aparelho à água.

Em seus materiais, a Apple informa que os smartphones são resistentes em profundidades entre 30cm e 1,2m por até 30 minutos.

No entanto, de acordo com as autoridades, a Apple engana os consumidores ao não esclarecer que os valores são válidos apenas em algumas situações, como em testes controlados em laboratório e com água pura.

Segundo as autoridades, essas condições não são as mesmas em que os consumidores usam seus aparelhos, daí a propaganda enganosa.

As autoridades também se incomodaram com os termos de garantia da Apple, que não cobrem danos causados por líquidos.

De acordo com a secretaria, a Apple não poderia divulgar a resistência à água como um recurso e ao mesmo tempo se recusar a cobrir uma falha deste recurso.