LG terceiriza fabricação de smartphones

A LG anunciou ontem mais uma reformulação em sua deficitária divisão de smartphones.

Segundo a Reuters, a empresa vai terceirizar parte da fabricação de seus smartphones básicos e intermediários.

Outras empresas vão projetar e fabricar os aparelhos a partir das espeficicações dadas pela LG, e a fabricante vai apenas “colar seu selo” nos aparelhos.

A ideia da mudança é ganhar competitividade principalmente contra empresas chinesas, como Huawei, Xiaomi, Oppo e Vivo.

Há anos, as chinesas vêm ganhando mercado de empresas mais tradicionais, como a LG e a Sony, com produtos mais baratos.

A divisão de smartphones da LG vem dando prejuízo no últimos 22 trimestres, ou seja, há mais de cinco anos.

No Brasil, a empresa tem uma posição forte no mercado, atrás de Samsung e Motorola. Mas no mundo é apenas a nona colocada, segundo a Counterpoint.

A matéria da Reuters não menciona especificamente a operação da LG no Brasil. A empresa tem uma fábrica de smartphones por aqui, na cidade de Taubaté (SP).