Musk diz que chamou mergulhador de ‘pedófilo’ de forma ‘genérica’

Começou ontem em Los Angeles o julgamento do caso em que o mergulhador britânico Vernon Unsworth acusa Elon Musk, CEO da Tesla, de difamação.

Como já comentamos por aqui, Vernon processou Musk após ser chamado de pedófilo no Twitter pelo executivo.

Em seu depoimento no tribunal, Musk disse que usou o termo ‘pedo guy’ como um “xingamento genérico” e não quis dizer quer Vernon era literalmente um pedófilo.

Relembrando a treta

O bate-boca entre Vernon e Musk ocorreu há pouco mais de um ano, durante o resgate dos meninos que ficaram presos em uma caverna na Tailândia.

Vernon, que é mergulhador, participou das operações de resgate desde o começou e ridicularizou o submarino enviado por Musk para ajudar na operação.

Em entrevista à CNN, o mergulhador disse que o submarino não tinha a menor chance de funcionar e afirmou ainda que Musk poderia “enfiá-lo naquele lugar”.

Musk então xingou muito no Twitter, chamando Vernon de pedófilo.

Durante o julgamento, Musk se defendeu alegando que Vernon “atacou sem provocação uma tentativa de ajuda. Ele me atacou, e ataquei de volta”.