“Pague ou saia”, diz Lanier sobre redes sociais

Um dos mais respeitados pensadores do meio digital, Jaron Lanier está de livro novo.

Na obra “Dez Argumentos para Você Deletar Agora suas Redes Sociais”, o cientista da computação e precursor da realidade virtual encoraja as pessoas cuja vida financeira não depende das redes sociais a abandoná-las. 

Na obra, ele não poupa críticas ao modelo de negócios baseado em publicidade. Serviços gratuitos como Facebook, Google e WhatsApp, no fundo, cobram caro, argumenta o pesquisador. Na visão de Lanier, eles manipulam, mudam comportamentos e, muitas vezes, nos tornam babacas.

Em entrevista à Folha de S. Paulo, Lanier comenta as razões deste chamado.

“Tínhamos a ideia de que a única forma de inovar e manter serviços livres era com um modelo baseado em publicidade, o que nos trouxe a um contexto de vigilância universal. Toda informação tirada de você é usada para mudar sua experiência online e criar uma sistemática que te prenda. Isso é chamado de engajamento. Chamo de vício. É quase como vício em jogo, há busca por satisfação, e a punição é severa”, afirma.

Leia a entrevista completa.