Receita da Zoom dispara na pandemia

Já comentamos aqui recentemente sobre algumas empresas que estão indo bem durante a pandemia, como Amazon e Logitech.

Mas nenhuma delas está fazendo tanto sucesso quanto a Zoom.

A empresa publicou seu relatório trimestral ontem e, como previsto, a receita disparou.

A Zoom teve receita de US$ 328 milhões nos primeiros três meses deste ano, 169% a mais do que no mesmo período do ano passado.

Desde o início do ano, as ações da empresa se valorizaram em mais de 200% na Nasdaq.

A empresa não divulgou números oficiais de usuários, mas analistas estimam em 173 milhões de usuários mensais.

Como comentamos por aqui nas últimas semanas, a Zoom vem enfrentando desafios em duas frentes.

A primeira é melhorar a segurança e a privacidade de seu app. Para isso, a empresa chamou um ex-Facebook e recentemente comprou uma startup de criptografia.

O outro desafio é resistir à concorrência dos grandões. Facebook, Google e Microsoft (via Teams e Skype) ampliaram recursos de suas ferramentas de chamadas com vídeo para tentar aproveitar o momento.