Receita dos EUA cobra US$ 9 bilhões em impostos do Facebook

Em longa reportagem, o ProPublica detalha a ação da IRS (a Receita Federal dos Estados Unidos) para cobrar impostos do Facebook.

Segundo a matéria, a IRS alega que o Facebook deve pagar cerca de US$ 9 bilhões em impostos ao governo americano.

A reportagem afirma que a chegada de Sheryl Sandberg, em 2008.

Executiva já com vasta experiência e passagem pelo Google, ela elaborou uma estratégia para que o Facebook usasse brechas na lei para pagar menos impostos.

A primeira medida foi abrir uma subsidiária na Irlanda, aproveitando os baixos impostos do país para processar as receitas vindas de fora dos Estados Unidos.

“A mesma decisão tomada pelo Google. Vantagens fiscais para receber receitas internacionais. Nossa operação lá será muito pequena, talvez umas 50 pessoas até o fim do ano”, escreveu Sheryl em e-mail para um ex-colega do Google.

Para a IRS, este tipo de manobra fiscal vai contra as leis americanas. Já o Facebook se defende e diz que não fez nada fora da lei.

Um julgamento para resolver o assunto está marcado para fevereiro.

Segundo a ProPublica, o Facebook tem boas chances de obter um resultado positivo no julgamento.