Reino Unido vai investigar domínio da Apple sobre App Store

Ontem comentamos por aqui uma derrota da Apple no estado do Arizona com a aprovação de uma nova lei que muda regras da App Store.

No fim do dia, o assunto voltou a aparecer na mídia com uma decisão do outro lado do oceano.

A CMA – agência que regula a competição de mercado no Reino Unido – abriu uma investigação formal contra a Apple, também para analisar o domínio da empresa sobre a App Store.

“Milhões de pessoas usam os aplicativos da App Store todos os dias. Por isso, qualquer queixa de que a Apple estaria usando seu poder sobre a loja para impor regras injustas e prejudiciais à competição devem ser investigadas”, Andrea Coscelli, diretor da CMA.

O processo aberto pela CMA vem como resposta a queixas de empresas com Spotify e Epic Games, que se dizem prejudicadas pelas regras impostas pela Apple sobre a App Store.

Também ontem, a Reuters informou que a União Europeia deve abrir uma investigação nas próximas semanas contra a Apple por práticas anticompetitivas, atendendo a uma queixa da Spotify.