Softbank deve tomar controle da WeWork

Já comentamos aqui sobre o fracasso do IPO da WeWork e como isso teve um impacto na imagem do conglomerado Softbank, principal investidor da empresa.

Para tentar solucionar a crise da WeWork, o Softbank pretende tomar de vez o controle da empresa com uma série de investimentos.

Marcelo Claure, executivo que comanda o fundo do Softbank para startups da América Latina, deve ser anunciado como presidente do conselho da WeWork após o novo investimento.

Segundo a CNBC, o Softbank deve investir cerca de US$ 5 bilhões para ter ainda mais controle da empresa e diminuir o poder do fundador da empresa Adam Neumann.

Neumann foi CEO da empresa até o mês passado, quando renunciou após o fracasso do WeWork e críticas pela má gestão da empresa.

Apesar de não ser mais o CEO, ele ainda é o maior acionista individual da WeWork.

Com a entrada mais forte da Softbank, há rumores de que a WeWork pode demitir até 2 mil funcionários, 13% do total de funcionários da empresa.