Startup do Paraná cria teste para coronavírus

A startup paranaense de equipamentos de saúde Hi Technologies, especializada em exames laboratoriais, está produzindo testes para diagnosticar o coronavírus.

Segundo o cofundador e presidente da companhia, Marcus Figueiredo, o teste foi validado há poucos dias e o primeiro lote chegará a alguns clientes na semana que vem, e posteriormente a farmácias e hospitais a partir de abril.

O teste é feito de forma remota, com a amostra de sangue coletada numa cápsula e introduzida com reagentes num dispositivo portátil.

O resultado é transmitido instantaneamente para um laboratório físico, onde os dados são processados. O resultado sai em até 15 minutos, ao custo de 130 reais.

O nível estimado de precisão do teste é de 93% a 98%.

Outras empresas da área de saúde, como Fleury e Dasa e Hermes Pardini, têm aplicado testes desde fevereiro.

Criada em 2017, a Hi afirma que já está trabalhado com seu sistema de laboratório portátil com redes de farmácias incluindo RD, Pague Menos e Panvel para detecção de doenças como Aids, Zika, Chikungunya, dengue, hepatites e diabetes.

A startup tem uma equipe de 125 pessoas, e tem entre investidores a Positivo Tecnologia e os fundos Monashees e Qualcomm Ventures.