Zuck e Dorsey vão depor sobre restrições a matéria do NY Post

Mark Zuckerberg e Jack Dorsey vão depor a parlamentares americanos no caso das restrições a uma matéria do NY Post sobre Joe Biden.

Como comentamos por aqui, Facebook e Twitter tomaram a decisão de restringir o alcance da matéria, o que despertou questionamentos sobre atuação política das empresas.

Baseada em dados vazados de um notebook, a matéria do NY Post apontava ligações suspeitas de Hunter Biden, filho de Joe, com uma empresa ucraniana.

Logo após a publicação, o Facebook atuou para restringir o alcance da matéria. Já o Twitter bloqueu completamente o compartilhamento da reportagem, e horas depois voltou atrás.

A ação das duas redes despertou a ira de políticos republicanos, que acusam as empresas de intervir a favor do candidato democrata às vésperas da eleições.

O depoimento de Zuck e Dorsey está marcado para o dia 17 de novembro.

Os dois também têm depoimento marcado nesta quarta, no âmbito do debate sobre possíveis mudanças na lei que protege empresas de tecnologia por conteúdo publicado por usuários.