Zuck terá que responder sobre falha em app infantil do Face

Senadores democratas dos EUA enviaram ontem uma carta ao CEO do Facebook, Mark Zuckerberg.

Na carta, eles questionam o Facebook sobre uma falha no app Messenger Kids, voltado para crianças.

A falha, revelada no mês passado, permitia que crianças conversassem com usuários bloqueados pelos pais, incluindo adultos.

Por padrão, o Messenger Kids permite que os pais escolham quem pode trocar mensagens com seus filhos.

Mas a falha de segurança permitia que este recurso fosse “enganado”.

No fim de julho, o Facebook alertou os pais sobre a falha e fechou os grupos criados no app que exploravam a brecha.

“Sua empresa tem a responsabilidade de garantir aos pais que seus filhos não sejam expostos a contatos não aprovados, uma promessa que nã foi cumprida”, diz um trecho da carta.

Os senadores querem saber, entre outros detalhes, por quanto tempo a falha ocorreu e se a empresa está tomando medidas para evitar outras falhas no app.

O Facebook tem até dia 27 deste mês para responder.